Segunda-feira, 21 de Abril de 2008

Querido diário:

 

 

Omg! O que é que eu ando a fazer?

 

 

Depois daquela conversa com o rapaz da net , o CrazyBoy as coisas perderam um bocado a piada, ainda trocámos mais algumas palavras mas deixámo-nos de falar tanto. Ele admitiu que em parte era por culpa dele. Fiquei um bocado triste, porque até estava a gostar de teclar com ele e daquela rotina de quase todos os dias não passar sem lhe escrever nem que fosse só um "olá"...

 

 

Decidi esquecê-lo e partir para outra... Na escola só se fala no baile de finalistas, apesar de ainda não de saber de nada, nem da data. Só se sabe que é no próximo mês. Mesmo assim há raparigas que já compraram os vestidos e já tem par. Têm tudo programado. Uma delas perguntou-me se eu ia, se já tinha par, etc... Respondi que sim e que ainda não tinha feito nenhum convite oficial. Ela sugeriu-me que fosse com um colega dela que também não tem par. Não lhe respondi. O amigo dela até é fixe e não tenho razão nenhuma de queixa dele. Mas pá, o baile é uma cena especial, não é daqueles eventos que me apeteça ir com alguém só por pena e por fazer jeito... 

 

Cheguei a casa e pus-me a "passear" pelo hi5, espreitei alguns perfis e tal...

 

 

Mais tarde recebi um ou dois convites de amizade. Aceitei-os, quando me apetecesse investigá-los-ia a fundo.

 

 

Assim o fiz e um dia enviei uma mensagem hi5 a pedir para me adicionar no MSN. 

 

 

Levei uns dias a pensar no baile e no par... Cheguei a um ponto em que já estava farta de pensar em rapazes e tomei uma decisão: Curtir, não pensar mais no assunto. Mais valia estar sozinha do que mal acompanhada... Convidaria a minha melhor amiga e arrasariasmos com aquilo. A nós ninguém nos pára!

 

Secalhar o problema é esse: Preocupar-nos, pensarmos, exagerarmos... Assim que tomei a decisão "quero ficar sozinha", pumba...Cai um gajo do céu, ainda por cima da mesma escola que eu, já o tinha visto algumas vezes... As coisas começam a correr bem.

 

O Atrevido já me tinha adicionado no MSN há algum tempo, mas ainda não tinha falado com ele. Começou a teclar comigo e eu nem sonhava o que me esperava...

 

Uma das coisas que ele me perguntou foi: "Tens alguma foto em bikini?" Dei por mim a falar de sexo com ele, abertamente como se nos conhecêssemos à anos. Seguiram-se os "convites" para eu lhe fazer um strip... Eu teimava não, não. Ele ia-me fazendo "propostas" e eu ia cedendo. Mostrei-lhe o sutiã, fiz o pior strip que alguém podia ter feito para a câmara web... Uma noite pediu-me para lhe enviar uma foto minha sem sutiã. Eu enviei... Estava doida, só podia...

 

Fiquei um bocado confusa com estas cenas que fiz, no fundo era como se eu estivesse a fazer tudo só para lhe agradar e ele não deixar de falar comigo. Queria conhecê-lo. Senti-me como se tivesse perdido a minha dignidade. Falei com ele e disse-lhe o que sentia, ele mostrou-se compreensivo, apesar de atrevido é muito querido.

 

Aquele gajo ainda me conseguia surpreender... Tinhamos estado a teclar há umas horas atrás, quando me mandou uma mensagem onde me pedia pa ir ao MSN e acabava com beijos grandes.

 

-Olá fofinha. Estava cheio de saudades tuas.

 

Eu estava a achar piada a isto, ainda que não quisesse alinhar em todos os jogos dele. Quando ele me pediu para lhe enviar uma foto de cuecas em baixo a mastubar-me é que lhe avisei que estava a abusar...

 

Com isto tudo cheguei à conclusão que:

 

Temos de começar por algum lado... Porque não na net?

A minha auto-confiança aumentou.

Tenho mais noção de quem sou e do que sou capaz de fazer.

As coisas nem sempre são como nós as imaginámos.

Acabámos por nos envolver emocionalmente e sentir algo pelo nosso "companheiro".

O que aconteceu também foi pela curiosidade e pelo facto de nunca ter namorado, entre outras coisas.


música Leona Lewis - Bleeding Love
tags:

publicado por uma rapariga... às 23:30 | link do post | comentar

2 comentários:
De Infiel a 22 de Abril de 2008 às 00:31

- o virtual é formado pelo real
todos dão os primeiros passos, da mesma maneira
só te posso dizer que, se não conheces os sujeitos... não mostres a cara
porque ha muitos meninos por aí a brincarem com emoções e que gostam de ver os outros por baixo, mostrar o que não tiveram e gabarem-se do que não fizeram e um video ou uma foto é uma prova (mesmo que não prove nada)

- e mete nessa cabcinha que é milhões de vezes preferivel a estar só que mal acompanhada e, não escolhas companhia para os outrso verem ... escolhe por ti e para ti, vais sentir-te muito mais confiante quando não tiveres necessidade de mentir ou de fazer porque os outros tambem fazem!

Um abraço


De uma rapariga... a 24 de Abril de 2008 às 22:01
Obrigada pelo comentário. Pôs-me a pensar e a encarar isto de outra perspectiva. Definitavamente foi uma parvoíce, atirei-me de cabeça e nem pensei.

bjinhs*


Comentar post

mais sobre mim
Já cuscaram o diário (desde 20 de Setembro de 2008)
msn spaces statistics
Single in Charlotte
Páginas recentes

Diário de uma rapariga un...

Trabalhos até ao pescoço....

Aulas na universidade: Ir...

2º aniversário do Diário ...

Sinto-me mais só numa cid...

Falida...

Respostas do Desafio "Ver...

Diário

Agosto 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

tags

diário

páginas soltas

desabafos

desafios

vídeos

ecologia

dicas

post-its

o início

também quero!

todas as tags

links
blogs SAPO
subscrever feeds